Em 1992 Fidel já advertia


Na Eco-92, sediada no Rio de Janeiro, Fidel Castro, estadista cubano vai direto ao ponto ao abordar a questão climática e as desigualdes mundiais.


Em 1983, a Editora Codecri, aquela mesma do Pasquim, publicava "A CRISE ECONÔMICA E SOCIAL DO MUNDO", autoria de Fidel. Neste livro o líder cubano chamava a atenção que o mundo contemporâneo, desacelerando sua corrida armamentista poderia resolver boa parte dos seus problemas climáticos e da fome, freando a sofisticação e a crueldade da produção em massa de produtos bélicos.


O discurso de Fidel Castro na Eco-92 é premonitório e antológico.



101 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Deixa falar

Deixa Falar: Criação e Edição de Raul Milliet Filho